QUARTO 311 – PARTE II

Passa a sua língua de baixo para cima mais umas vezes e volta a foder-me com os seus dedos. Penetrando-me fundo e com força durante algum tempo, mantenho o meu rabo empinando até sentir aquele formigueiro a subir! A sua dedicação era exemplar. Vou-me vir! Aperto as coxas com os dedos dele ainda dentro de […]

Quarto 311 – Parte I

Após uma inspiração profunda, envio a mensagem como combinado. Estou aqui no corredor em direção ao quarto Ele: Não te vejo! Quarto 311 Mas… É onde estou… Vês! Ele: Mas eu estou no corredor com a porta aberta e não te vejo Trip, quarto 311! Ele: Não… Tivoli! Bolas, quer dizer q estou no hotel […]