Agora é a vez deles…#1

Eu sou bastante profissional no meu dia à dia, e não gosto de misturas com clientes mas desta vez não resisti.
A equipa estava a terminar um trabalho numa cliente que estava presente e quando cheguei à obra senti-me observado de cima a baixo por aqueles grande olhos azuis.

Baixinha, cerca de 1,60m com sandálias, umas calças de ganga a realçar aquele rabo e um top justo branco com um bom decote a mostrar quão bem abonada seria ela de peito. Estava sem soutien e deu para verificar que tinha uns belos mamilos arrebitados.

Falo com a Doutora e ela responde sempre com sorriso, um toque aqui no braço outro ali nas costas e eu sinto-me intimidado mas ao mesmo tempo a ganhar uma vontade de a agarrar.

Ela nunca me deixou só e puxou diversas conversas até chegarmos a uma viagem que fiz no ano passado a Ibiza, questionando diversos pormenores dessa viagem.

Terminando os trabalhos vim embora com o meu pessoal e agradeço tudo e ela agradece por todo o serviço prestado, despeço-me e saio.

Mal saí manda-me uma sms a dizer que qualquer coisa que necessite que é só pedir e a agradecer novamente o serviço prestado. Aproveitei a dica para dizer que fazemos tudo para deixar o cliente satisfeito.

Ela aproveita-se da deixa e diz que faltava qualquer coisa para ficar totalmente satisfeita. Foi a dica e marcámos para domingo tomar café.

Fui apanhar a Doutora num determinado local e ela aparece de mini saia, top justo, saltos altos, lábios pintados e cabelo arranjado.
Pego-a de seguida e mal entra agarrámo-nos e beijámos-nos…beijo húmido naquelas lábios carnudos com um toque suave de língua…algo quente, sensual e hot.
Enquanto a beijo aproveito-me e meto a mão no meio das pernas…vinha sem lingerie.

Adorooo

Estava toda molhada! Disse-lhe ao ouvido:

Safada…já vinhas com isto planeado e ela sorriu…e perguntei onde vamos…e ela para um hotel mais próximo…

Faço uma reserva no Booking e siga direção ao hotel.
Sorrisos, brincadeiras e boa disposição, entramos no hotel como um casal.
Fomos para o quarto e mal entrámos encostei-a à parede, prendo-lhe as mãos e beijo-a intensamente.
Retiro-lhe o top e ela tira-me a tshirt.

Ela abre-me o cinto e eu abro o fecho da saia. A saia cai e ela baixa-me as calças e os boxers em simultâneo e começa-me a chupar todo de forma gulosa pois ela encontrou-me já bem teso…pronto para foder toda!

Ela devora-me, quase que o consegue enfiar todo na boca. Chupa e lambe enquanto me agarra nas bolas e estimula.
Levanto-a e encosto-a à parede, Beijo-a e vou descendo, pescoço, peitos e lambo bem os peitos. Tem uns mamilos grandes e liberta um gemido quando a minha língua passa por eles….hummm

Continuo a descer, a beijar a barriga até chegar à cona dela e aí sopro e beijo à volta, virilha e abdómen até começar a lamber o clitoris e a chupar aquela cona a escorrer na minha boca.

Coloco uma perna dela sobre o meu ombro e começo chupar intensamente, ela agarra-me na cabeça e força mais também. Enfio um dedo e ela geme, de seguida dois dedos e ela geme mais.
Entretanto ela liberta um gemido mais alto e vem-se na minha boca….hummmm tão bom, adoro sentir o sabor de uma cona molhada a escorrer para mim.

Subo e ela beija-me! Agarro-a e atiro-a para a cama, está ali desarmada e indefesa com aquela cona rosada a olhar para mim.
Coloco o preservativo agarro-lhe as pernas

E vem para mim!

Começo a brincar na cona dela com o meu pau, a enfiar aos poucos e ela geme cada vez mais. Fui aos poucos até conseguir entrar praticamente todo.
Sinto que já toco no fundo dela e ela geme muito! Então começo a fodê-la toda, com mais força mas sem nunca a magoar ou forçar, sempre até ao fundo.

Consigo ouvir a cona dela a libertar orgasmos, a fazer charco e ela a pedir mais e mais! Para não parar.
Após foder de frente meto-a de 4 e em pé junto à cama enfio-lhe o meu pau todo teso, depois de trocar de preservativo novamente pois aquele já podia romper visto que estávamos ali algum tempo a foder, e como-a de 4.
Abro-lhe aquele rabo e vejo aquele cu aberto e eu a foder-lhe a cona. Puxo-lhe o cabelo e ela nota-se que estava a gostar de levar umas palmadas no rabo pois gemia mais.


Agarro o cabelo e peito e vou a fundo, ela foge com o corpo e percebo que a magoo e não faço mais isso. Pergunto-lhe se posso comer o cu e ela diz que não vai aguentar o meu pau, para tentar numa próxima.
Então viro-a e como-a de frente e ela pede-me para lhe dar leite no peito.

Quero que te venhas todo para mim
Vá vem-te!


Então decidi vir-me e tiro o meu pau da camisa e venho-me para a cara e peito dela enquanto ela me bate uma. Liberto um gemido bom e ela sorri com leite na cara, na boca e no peito a escorrer por ela.
Deixa-me relaxar um pouco e vamos ao banho juntos, damos banho um ao outro, com carícias, risos e brincadeiras.
Vimos para cama e abraçamos-nos, ela diz-me que estava mesmo a precisar disto, que lhe fazia falta e que foi top.

Disse-lhe que ainda não tinha acabado iamos relaxar e que íamos a outro round.

Caso queiras partilhar a tua história contacta-me nos comentários

XOXO

Citação

SEXTING COM J – Parte II

Ele: Se estivesse contigo agora
Ele: Fodia-te por detrás deitada
Ele: Agarrava-te as ancas
Ele: Fechava-te as pernas
Ele: E fodia-te por detrás
Ele: Sentia-te a apertar o meu pau
Ele: E sentia o fundo do teu útero
Ele: Fodia até gritares de prazer
Ela: Estou desejosa…E cada vez mais húmida
Ele: Queria sentir os teus fluidos nos meus dedos
Ele: Intervalar o teu prazer entre o meu pau dentro de ti
Ele: E os meus dedos a explorarem-te
Ela: Tesão…. muita tesão
Ele: Quero que libertes essa tesão comigo
Ela: Acho que vou querer fazer isso mesmo
Ele: Quero-te pronta para seres comida por mim
Ele: Imagino o movimento do teu corpo
Ele: Desde os primeiros toques
Ele: Até te vires
Ele: Hoje vou ter de me tocar a pensar em ti
Ele: Tenho demasiada vontade de te comer
Ele: Demasiada
Ele: Excitas-me
Ele: És inteligente
Ele: Isso dá-me imensa pica
Ela: Eu adoro ver… achas que podes fazer uma foto ou vídeo do momento?
Ela: Eu irei retribuir
Ele: Posso, se te excita
Ela: Que bom! Muito, excita-me muito
Ele: Dás-me imensa pica
Ele: Estou a gostar
Ela: Eu também
Ela: Se não for assim não vale a pena
Ele: Eu sou um tipo difícil
Ele: Não me contento com pouco..
Ela: E porque te deverias contentar?
Ele: Gosto muito do teu corpo
Ele: Imagino-me a agarrar os teus braços por detrás
Ela: Não querendo soar egoísta… Não tenho tempo para o morno
Ela: Nem para o mais ou menos
Ele: E a sentir o perfume no teu pescoço
Ele: Gosto do colar, gostava de te agarrar pelo colar
Ela: Gosto de ter classe…
Ele: Vou-me concentrar … Tenho uma tarde de trabalho
Ele: Mas hoje vou me lembrar de ti
Ele: Ao final do dia
Ele: Hoje ao almoço escolhi sushi
Ele: Para mais facilmente imaginar me a comer te
Ela: Hmmm
Ela: Gosto da associação
Ele: Textura
Ele: Líquido
Ele: Pensei em ti durante todo almoço
Ele: No que te faria
Ela: Gosto dessa imaginação…
Ele: Hoje não sais da minha imaginação
Ela: Para dar mais um estimulo…
Ela: Envia foto
Ele: Deves ser deliciosa
Ele: Estas imagens fazem me acumular tesão…
Ela: Sim… e acredita que mostrar-me é excitante…
Ela: Saber que pensavas em mim no teu almoço de sushi… Agrada-me!
Ele: Sentir Envia foto o descontrolo do líquido e a textura na minha boca
Ele: Foi por isso que quis sushi
Ele: Hoje só penso em comer-te
Ela: Que excelente imagem
Ela: Envia foto
Ele: Amanhã almoço ostras
Ele: E imagino o teu sabor
Ele: Quente ao invés de frio
Ela: Ostras… gosto
Ele: As ostras são o sexo feminino
Ela: Estás-me a deixar ansiosa… por te conhecer
Ele: A tua foto de perfil fascina-me
Ele: Tens um ar de menina
Ele: Que adoro
Ele: É mútuo
Ele: Quero conhecer-te
Ele: Mas não quero ir beber um cafezinho
Ele: Quando te conhecer tem de ser de forma fenomenal
Ela: Eu também não sou desse tipo… Dos cafés
Ele: Deixa-me pensar numa forma interessante de te conhecer
Ela: Sim… adoro desafios
Ele: Adoro as tuas fotos
Ele: Fazem-me despertar a imaginação
Ele: Adorava desapertar essa blusa
Ela: Eu gosto do tease… do cortejo… da imaginação
Ele: Sentir os teus seios por baixo da lingerie
Ela: tudo o que é demasiado fácil perde rapidamente o encanto
Ela: queres ver como fica debaixo da blusa?
Ele: Quero
Ela: Vou te satisfazer então
Ela: Envia foto
Ele: Estás-me a deixar louco de tesão
Ele: Assim não vou aguentar até à noite
Ele: Quero beijar o teu peito
Ela: Confesso que não quero que consigas aguentar
Ela: Estou a ser uma má menina?
Ele: Quero sentir a tua pele
Ele: Estas a portar-te bem
Ele: Estou a gostar muito
Ele: Vais ser uma boa aluna
Ele: Tenho a certeza
Ela: Que bom… gosto de saber
Ele: Tive de sair para apanhar ar
Ele: Não estou a conseguir trabalhar
Ele: Tenho o pau ultra sensível
Ele: Com pre cum
Ele: Assim vou ter uma ideia para te conhecer mais rápida
Ele: Estas a deixar-me cheio de desejo
Ela: Eu adoro andar com tesão
Ele: És adorável
Ele: Quero mesmo muito estar contigo
Ele: Mas quero que seja inesquecível
Ele: E vai ser…
Ela: Estou com essa expectativa
Ele: Deixa-me pensar …
Ele: A tua disponibilidade é limitada obviamente
Ela: Sim é, mas não sou freira
Ela: E tenho alguma liberdade
Ele: Finais de tarde.. princípio de noite
Ela: sim, é possível claro
Ele: Boa, vou marcar um quarto de hotel
Ele: Que seja interessante
Ele: Nada de motéis e coisas desse género
Ele: Não é genial.. mas o que poderemos fazer é o que me move
Ela: Hmmm
Ela: Gosto da ideia sim
Ele: Num dia chato da semana
Ele: Segunda feira por exemplo
Ele: Amanhã vou jantar com a minha namorada.. que é parecidíssima contigo
Ele: E vou fode-la a pensar em ti
Ela: Esse detalhe é o máximo
Ela: A realidade é mais surpreendente que a fantasia por vezes
Ele: Vou agarrar os cabelos louro
Ele: E pensar nos teus ruivos
Ele: Vou lambe-la e pensar no teu sabor
Ele: Vou faze-la vir e pensar em como tu irás vir-te
Ela: Que excitante
Ele: Vou imaginar que as duas são uma pessoa
Ele: Como o Vertigo do Hitchcock

Citação

SEXTING COM J – Parte I

Ele: Wow
Ele: És gira!
Ele: Tenho uma namorada muito parecida contigo
Ela: Ahahah
Ele: Verdade!
Ele: Impressionante
Ela: Não me digas que tenho uma sósia???!!
Ela: Mas esperavas que eu fosse um adorável camafeu?
Ele: Sabes que a internet…
Ele: Mas o sorriso é igual. E os olhos…
Ele: Ahahha. Que estranho
Ele: O facto de seres parecida mas em ruiva , vai despertar as maiores fantasias
Ela: Estás-te a imaginar num 3some?
Ele: Não…
Ela: Ohhh achas que ela não alinharia?
Ele: Mas estou a criar fantasias mentais com vocês
Ele: Não sei eu iria querer
Ele: Sabes que tenho com ela uma relação muito interessante
Ele: Agora estou a imagina-la a transformar-se em ti.. enquanto a estou a comer
Ele: Wow
Ela: Gosto!
Ele: Acho que podemos fazer coisas interessantes
Ele: Dou-te algumas das minhas pequenas estórias
Ele: E tu dás-me algo em troca …
Ela: Também estou com um bom pressentimento…
Ela: Eu ADORO satisfazer e de ser desafiada
Ele: Estas a deixar-me muito curioso
Ele: Em relação ao teu corpo
Ele: Ao teu toque
Ele: A tua pele branca deve ser deliciosa
Ela: Não sou alta e tenho formas
Ela: Adoro lingerie e gosto muito de me fotografar
Ela: É o meu lado exibicionista, é bastante forte e uma luta intensa entre manter
Ele: Não precisas de te mostrar ao mundo.. ao mundo só mostras o que queres e o que serve para criar a tua “personagem”…
Ele: Mas a mim podes mostrar!…
Ele: Excita-te que eu possa masturbar me com as tuas imagens?
Ela: imenso
Ele: Estou com imensa tesão..
Ela: Ontem recebi uma encomenda de lingerie nova… e fiz uma pequena sessão
Ele: Estas a deixar me com imensa curiosidade
Ela: Que bom
Ela: Branquinha e cheia de sinais
Ela: Com formas… Mas óptima auto estima
Ele: És óptima
Ele: Adoro o tom de pele
Ele: Deve ser sedosa
Ela: É macia sim
Ele: Pareces ser uma delicia
Ele: Iria precisar de muito tempo contigo para explorar
Ele: Gosto de demorar ..
Ele: Imagino percorrer todas as tuas curvas do corpo
Ela: Eu gosto de ser explorada… Com calma… Somo um excelente match
Ele: Estou a imaginar-te a vir enquanto te toco
Ele: Adoro a primeira vez que percebo como uma mulher se vem
Ele: Adoro fazer vir com os meus dedos
Ela: já estou a ficar naquele estado…
Ele: E com a minha língua
Ele: Adoro demorar
Ele: Imagino como deve ser o teu sabor
Ele: A tua pele acabada de sair do banho..
Ela: Eu gosto do meu sabor…
Ele: Os teus fluidos
Ele: Estou no trânsito
Ele: Com tesão
Ele: Com imensa vontade
Ele: Imagino-me a vir para cima da tua pele
Ele: Estou tão duro
Ele: Só de pensar na tua pele
Ele: No tom rosa que deves ter no sítio que quero lamber e depois foder
Ela: Estou cheia de vontade de sentir as tuas mãos a abrir as minhas coxas…
Ele: Abrir…
Ela: Devagar
Ele: Agarrar o teu rabo enquanto te como .. te como literalmente
Ele: Saboreio-te
Ele: Sugo
Ele: O clitóris
Ele: O lábios
Ele: Percorro os teus lábios com a língua
Ela: Derretes-me
Ele: Imagino os teus cabelos ruivos perto dos teus lábios
Ele: Percorro-os com a língua
Ele: Quero sentir cada milímetro
Ela: Delícia
Ele: Quero sentir os pontos mais sensíveis
Ele: O que te fazem movimentar as ancas de prazer
Ele: Estou tão duro
Ele: Iria ficar tão duro só de te lamber
Ela: Estás a fazer-me cruzar as pernas com mais força
Ela: Sinto-me a pulsar
Ele: Estou com imensa vontade de te comer
Ele: Mesmo
Ele: Sinto o meu pau a ficar ultra sensível
Ele: Com pré-cum
Ele: Pronto para te foder durante horas
Ela: hmmmm adoro saber-te nesse estado
Ele: Quero foder-te por detrás
Ele: Sentir as tuas nádegas a bater na minha cintura
Ela: Sim… e a entrares bem dentro de mim…
Ela: Fundo e intenso
Ele: Quero puxar-te os cabelos enquanto te fodo
Ele: Quero beijar-te as costas e o pescoço
Ele: Enquanto entro fundo dentro de ti
Ele: Estas me a deixar tão duro
Ela: Arrepias-me com as tuas palavras
Ela: Porque fazem imagens tão nítidas na minha mente
Ele: Quero-te deixar arrepiada mesmo antes de te vires
Ele: Quero sentir-te a apertar o meu pau dentro de ti quando te vens
Ele: Quero sentir com o meu pau o teu orgasmo
Ele: A forma como me apertas e escorres
Ela: Estou com a ponta de um dedo na boca
Ela: A brincar com a minha língua…
Ela: Pernas apertadas
Ele: Fodia-te tanto

Vídeo

Love, o filme

Fiquei por casa com uma amiga numa sexta-feira à noite e após jantar fomos escolher um filme para a sessão de home cinema.

Já há algum tempo que o poster deste filme me chamava à atenção contudo a pobre classificação no imdb foi-me sempre fazendo adiar reservar uma noite para o ver.

love

A sinopse fala de um rapaz americano a estudar cinema que vive em Paris e que mantém uma relação altamente sexual com uma rapariga chamada Electra.
Um dia ele pergunta-lhe qual é a sua maior fantasia e ela responde que é foder uma mulher, loura, bonita e de olhos azuis de preferência.
Milagre, a nova vizinha do lado encaixa na perfeição e no primeiro encontro entre eles e a nova inquilina do prédio eles revelam-se decididos a “caçar” a jovem com ar angelical.

Das várias cenas de sexo que enchem todo o filme, a cena de sexo a 3 está crua e natural e bastante excitante.
Para espanto meu é de facto uma filme de sexo não simulado Os atores penetram-se, lambem-se e chupam-se sem artimanhas nem planos escondidos e não são atores porno. São actores.

A relação deles enquanto casal é altamente instável, carregada de drogas, ciúmes, traições e busca incessante pelos limites pouco saudáveis.
Por fim tudo acaba mal quando o rapaz engravida a vizinha por acidente (preservativo que se rompe) e se vê forçado a permanecer com a mãe do seu filho uma vez que é abandonado pela Electra que não aceita que ela tenha andado a foder a vizinha sem ele e que ainda por cima a tenha engravidado.

A Electra entra numa espiral negativa de vícios sem retorno e desaparece.

Pelo meio da turbulência há cenas de sexo em todos os cantos e inclusive uma visita a sex clube com cenas arrojadas que apreciei.

Por fim percebo a razão da pontuação, é um filme que valorizo pela cor, planos, música e claro pela audácia nas cenas de sexo, contudo torna-se longo e a história em si… aborrecida.

Director: Gaspar Noé
Writer: Gaspar Noé
Stars: Aomi Muyock, Karl Glusman, Klara Kristin

Pequena grande aventura – Parte I

Era novata na app de encontros sensação do momento e tinha por isso muita curiosidade em perceber como funcionava e que tipo de pessoas o meu perfil ia atrair.

Decidi não colocar uma foto e na minha descrição apenas um teaser e a referência ao blog.

Em pouco minutos fiz o meu primeiro match. Sendo que um dos requisitos essenciais era a proximidade geográfica.

A conversa fluiu facilmente e ele demostrou interesse e gosto pelas minhas histórias. Começamos a partilhar histórias de loucuras passadas e surgiu uma proposta picante e irresistível – um encontro para sexo num provador de roupas de uma superfície comercial de renome da cidade dentro de 30 min.

Pensei:

Miúda… como resistir? Impossível!

Trocámos mais algumas mensagens para nos descrevermos fisicamente e escolher o ponto de encontro exato. A zona de roupa masculina desportiva.

Estava tudo combinado, apanhei o táxi até ao shopping e dirigi-me até à secção de roupa e pelo caminho vi onde ficavam os provadores.

És uma louca

Batia o meu coração à medida que a adrenalina disparava.
Era início de noite por isso havia pouco movimento, o que me sossegou um pouco.

Ao me aproximar vejo-o, reconheci-o pela descrição da roupa e estava dentro das minhas expectativas. Avancei envergonhada na sua direção.

Notei que ele estava bastante nervoso quando finalmente nos cumprimentamos com 2 beijos na cara. Fiquei com a clara sensação que ele não esperava que eu aparecesse ou que eu tivesse outro aspeto.

Fizemos alguma conversa de circunstância e ele começa a escolher peças para levar ao provador.
Boa!

Temos um ótimo disfarce! Estamos a fazer compras como um casal insuspeito!

Eu acompanhava-o divertida e entrando no papel na perfeição até perdi alguns segundos a ver uns pares calças para ele enquanto me ria por dentro.

Já cheios de álibis dirigimo-nos aos desejados provadores, pelo canto do olho vi onde estavam os funcionários que me pareciam distraídos à espera da hora de fecho.
Estávamos relativamente à vontade.

Entramos na cabine mais à direita e ao fechar a porta reparamos que não tinha tranca!

Mau! Que azar, é melhor mudarmos para outra que assim é perigoso!

Disse eu.
Para nossa surpresa nenhuma das cabines tinha tranca e as marcas de já terem existido fechaduras comprovavam que tinham sido retiradas intencionalmente.

Dou uma gargalhada baixinho! Quer dizer que virem foder para aqui deve ser mato! Hmmm local de libertinagem. Fiquei entusiasmada claro!
Pensei:

Sou uma putinha devassa!

Sussurrei-lhe para ele se manter encostado à porta e que assim não seríamos surpreendidos.
Sabiamente tinha levado um vestido airoso, fácil de levantar e de baixar.

Continua…

Ilustrações:http://apolloniasaintclair.tumblr.com

Ele tem tatuagens – Parte II

No dia seguinte enviei uma mensagem a dizer como estava vestida: Vestido preto com padrão, decote generoso e sandálias altas amarelas. Fui até ao ponto de encontro um pouco nervosa e esperei.

Olhei em todas as direções a tentar adivinhar quem seria o meu parceiro de loucura.
Apenas sabia que tinha um braço todo tatuado… passavam vários homens por mim e eu procurava algo neles, um olhar ou um sinal.
Estava a adorar a situação!

Até que vejo alguém a andar na minha direção, braço tatuado, estilo descontraído. Agradou-me instantaneamente!

Olá eu sou o D.

Disse ele enquanto me cumprimentava com 2 beijos. Vamos? E dirigimo-nos até à praça de táxis perto e demos a morada ao taxista.
Eu estava com o coração a bater forte e algo tímida… fizemos alguma conversa leve e eu senti que ele estava a observar o meu peito. Sorri com ar safado.

A química entre nós fluiu, rimos face ao cenário e um de nós não ter nada a ver com o esperado! Eu tinha confiança no amigo que o tinha escolhido e ele também suspeitava que essa pessoa não iria marcar um encontro com uma mulher desinteressante! Contudo imaginar uma situação caricata e as nossas reações fez-nos rir e quebrar o gelo.

Chegámos à pensão que ele tinha reservado, tinha bom aspeto e como ele já tinha pago no dia anterior foi pegar na chave e subir até ao andar.

Entrámos no quarto, agradável e limpo, e dirigi-me à janela para abrir os estores um pouco pois estava escuro. Eu gosto muito de me ver a foder, por isso, dispenso a escuridão!

Ele vem ter comigo e beija-me, passa a mão pelo meu corpo e percebe que não tinha cuecas por baixo do vestido. Sim, já estava molhada e ele bem sentiu isso.

Tiro o meu vestido e sandálias enquanto ele se despe também. Beijamo-nos mais intensamente e tiro o soutien, fico
toda nua e subo para cima da cama, para onde ele me segue.

Deita-me completamente e abre-me as pernas passando primeiro os dedos, que deslizavam facilmente, e depois começa a chupar-me. A sua barba curta arranha mas sabe muito bem e digo-lhe isso.

Ele tem um ótimo cabelo, forte e bonito que me dava gozo agarrar enquanto ele me devorava com a sua boca.

És apetitosa! Tão apetitosa!

Dizia satisfeito enquanto continuava a foder-me com os dedos.
Olhei gulosa para o seu caralho já com sinais de excitação e ele percebe que o quero chupar!
Ele mete-se de joelhos na cama e eu de gatas começo a chupá-lo com vontade, mas ele diz que está muito excitado e que assim se vai vir…

Abrando o ritmo pois não quero isso! Quero ainda levar com aquele pau rijo na minha coninha e quem sabe no cu.
Mamo-o bem suave e ouço-o dar uns gemidos que me levam a pensar que não teremos muito tempo de brincadeira. Digo-lhe:

Metes o preservativo?

Ele sai da cama e vai até ao bolso das calças buscar a caixa que abre enquanto eu me aproximo dele e continuo a mama-lo para garantir o ponto.
Ele mete as mãos à obra e eu deito-me na cama com as pernas abertas e brinco com a minha cona molhada enquanto olho para ele.

Apetitosa e safada, como gosto de ser!

Por fim, ele sobe também para a cama e, abrindo bem as minhas pernas, entra dentro de mim com intensidade!
Ahh sim, adoro as primeiras penetrações…

Beijamo-nos forte, sinto a língua dele bem tesa na minha boca e sinto-o também muito louco! Fecho os olhos e disfruto… Adoro uma boa foda.

Como já suspeitava ele também estava a adorar e não se conseguindo conter diz-me:

Vou-me vir já!

E geme de prazer enquanto descarrega dentro de mim o seu leite.
Aperto-o com as pernas e rio-me. Gosto de sentir o orgasmo do homem de todas as maneiras.

Continuo deitada na cama enquanto ele sai e se coloca ao meu lado de joelhos. Percebo que se queria dedicar a mim e garantir o meu prazer. Apreciei a atitude.

Começa por me chupar a cona e sinto a língua no meu cuzinho… hmmm relaxo. Enfia os dedos na minha cona e, com intenção, masturba-me até eu me vir. Como já estava bem quente ele consegue fazer-me atingir o orgasmo ao fim de pouco tempo…

ahhh vou-me vir!

Digo.E sinto o arrepio passar por todo o corpo, seguido de uma sensação de relaxamento.
Ele começa, então, a bater uma e vejo que ele não estava terminado! Mantenho-me deitada e ele vem para cima da minha cara enquanto continua a masturbar-se.

Entretanto eu vou lambendo os seus tomates e ele, com a mão disponível enfia primeiro um, mas depois dois, dedos no meu cu.
A sensação era ótima… Sabia que ia haver mais leitinho para mim e os dedos no cuzinho estavam a ser uma delícia.

Eu, excitada, mexo o meu corpo de forma a intensificar a penetração. Foi um excelente clímax… Ele vem-se na minha cara e eu imediatamente dou as chupadelas finais enquanto sinto o seu caralho a perder firmeza.
Fico deitada na cama e rio-me satisfeita. Ele diz que adora a minha onda! Apesar de não ter sido um fodão memorável, a nossa empatia foi um ponto positivo.

Beijo-o novamente e ficámos deitados a conversar sobre aventuras e futuros encontros. Parecemos amigos de longa data e essa sensação foi muito boa.
Ele diz-me que a situação era excitante e alicia-me para um novo encontro que, sem o fator do desconhecido será, segundo ele, um fodão!

Relaxada, satisfeita e animada ficámos ali até ser hora de ir embora.
Após um banho rápido, em conjunto, vestimo-nos. Com pena minha, tenho de regressar…
Saímos animados e apanhámos um táxi. Ficou no ar uma promessa de um reencontro para uma aventura a 3, eu, ele e o nosso amigo comum.

Ilustrações:http://apolloniasaintclair.tumblr.com